A cantora gospel Gabriela Rocha e o seu esposo Leandro Moreira já estão a caminho do Brasil. O casal viveu momentos de tensão neste sábado (07), quando Israel foi atacado pelo grupo terrorista Hamas.

A artista estava em Israel pela primeira vez, e disse que estava vivendo momentos inesquecíveis na terra santa.

Nesta segunda-feira (09/10), Gabriela atualizou seus seguidores dizendo que, após perder uma conexão em Madri, Espanha, estava na cidade do Porto e pronta para finalmente retornar ao Brasil. A cantora agradeceu as inúmeras mensagens de apoio e orações recebidas durante o período tumultuado.

A cantora publicou uma imagem ao lado de Leandro, já dentro do avião, e expressou sua gratidão: “Que o Senhor nos leve em segurança para casa. Obrigada Pai, continuamos orando abençoando esse lugar, em nome de Jesus.”

Neste domingo (8), o gabinete de segurança de Israel emitiu uma declaração oficial de guerra contra o Hamas. A medida permitirá ao governo decretar uma mobilização mais ampla de reservas militares.

O ministro israelense da Defesa, Yoav Gallant, ordenou nesta segunda-feira (9) um “cerco total” à Faixa de Gaza, no terceiro dia de combates após o lançamento de uma ofensiva militar do grupo palestino Hamas, a partir do enclave.

Evangélicos brasileiros tentam deixar Israel

Muitos evangélicos brasileiros estavam realizando turismo religioso quando ocorreu o ataque do Hamas, dando início ao conflito, em Israel. A expectativa é que parte deles seja resgatada pela Força Aérea Brasileira (FAB).

Pelo menos 100 cristãos de duas caravanas foram surpreendidos com os ataques do grupo extremista islâmico, que atingiu o país por terra, ar e mar. Na sequência, Israel bombardeou a Faixa de Gaza e declarou guerra. Em dois dias de conflito, milhares de pessoas morreram, entre judeus e palestinos, a maior parte civis. Mais de 2,3 mil feridos. Nesta segunda-feira (9), o conflito segue pelo terceiro dia.

O presidente da Embaixada Internacional Vida, Bueno Junior, lidera uma caravana com 37 pessoas, que deveria deixar o país n mesmo dia em que ocorreu o ataque do Hamas. De acordo com ele, 19 brasileiros conseguiram sair do território de avião via Dubai e Etiópia. Porém, outros 17 não tiveram êxito. Eles chegaram a ir para o Aeroporto Internacional Ben Gurion, mas precisaram retornar para um hotel em Jerusalém.

Bueno Junior já esteve em Israel por 15 vezes. No entanto, nunca havia se deparado com uma situação como a que viveu no último sábado (7). “Eu não quero estar aqui nos próximos três, quatro dias, quando a guerra começar de verdade. Por isso minha súplica para que Deus traga paz”, compartilhou em um vídeo.

A expectativa de Junior é que o grupo possa ser resgatado por um dos seis aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) preparados para ir até Israel. Médicos e psicólogos estarão nos aviões para assistir os brasileiros.

No início da noite de domingo (8), a primeira aeronave, um KC-30 com capacidade para 230 passageiros partiu de Natal (RN). No entanto, precisará esperar em Roma, na Itália, autorização para completar a viagem até Israel. Não há previsão de quando a liberação acontecerá.

Outro grupo de brasileiros está preso em um hotel de Jerusalém. São os evangélicos, que fazem parte da caravana Novos Começos, liderada pelo pastor Felipe Valadão, da Igreja da Lagoinha em Niterói (RJ). De acordo com ele, são 103 pessoas.

Integrante do mesmo grupo, o pastor Saulo Mattos, de Alagoas, afirmou à TV Gazeta que no momento do bombardeio estavam no restaurante do hotel. Segundo ele, os garçons corriam e pediam para que os clientes ficassem longe da janela.

“Acho que todo cristão sonha em conhecer a Terra Santa. Essa viagem representava muito pra mim, é uma viagem que me programei, que sonhei. Mas fomos surpreendidos hoje cedo com as sirenes. Os turistas brasileiros estão apavorados”, revelou.

Fonte: Fuxico Gospel e Comunhão

The post Em meio à guerra, Gabriela Rocha e esposo conseguem sair de Israel; evangélicos brasileiros tentam deixar o país first appeared on Folha Gospel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *