Ataques aéreos israelenses, lançados como resposta à ofensiva surpresa do Hamas em território de israelense (que matou no mínimo 40 israelenses e feriu outros 750 até então), deixou pelo menos 198 palestinos mortos e mais de mil feridos neste sábado, 7, afirmaram médicos em Gaza.

Testemunhas dos ataques aéreos israelenses contam que ouviram fortes explosões, viram muitos mortos e feridos sendo socorridos, enquanto nuvens de fumaça preta subiam em espiral.

À rede de TV Al Jazeera, o vice-chefe do Hamas, Saleh al-Arouri, disse o grupo está preparado para o pior. “Todos os cenários agora são possíveis, e estamos prontos para uma invasão terrestre [israelense]”.

Desde o início do conflito, moradores de Gaza têm corrido para estocar mantimentos, antecipando a violência que se aproxima. 

No sul de Israel, muitas pessoas também deixaram suas casas e estão em abrigos, ou  correndo para os aeroportos para fugir da região desde que o primeiro-ministro Binyamin Netanyahu decretou estado de guerra contra o Hamas.

Enquanto isso, autoridades palestinas dizem que o fim da ocupação de Israel em seu território é a única alternativa possível para garantia de segurança, estabilidade e paz na região.

Netanyahu afirma que conversou com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, que teria dado total apoio ao direito de Israel se defender.Por sua vez, o chefe do Pentágono, Lloyd Austin, disse que os Estados Unidos trabalharão para garantir que Israel “tenha o que precisa para se defender e proteger os civis da violência indiscriminada e do terrorismo”.

Fonte: Último Segundo

The post Conflito entre Israel e Hamas deixa mais de 230 pessoas mortas first appeared on Folha Gospel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *