Como ter a vida cheia do Espírito Santo? Rabino messiânico explica

Para o rabino messiânico, Jonathan Cahn, para alguém viver cheio do Espírito Santo não basta se concentrar nos “dons do Espírito” ou ainda no “mover espiritual”. É preciso algo muito mais bíblico.

Para ele, a busca pelo Espírito Santo tem relação com as festas bíblicas: “Antes da Festa dos Tabernáculos vem a expiação de Yom Kippur, ou seja, primeiro é necessário a chuva para que depois haja frutos em sua vida”, explicou.

Durante o Yom Kippur, conhecido também como o Dia do Perdão, os judeus se concentram no arrependimento e passam o dia fazendo jejum. E a Festa dos Tabernáculos ou Sucot se concentra no relacionamento e comunhão com Deus.

Durante um sermão recente, Cahn destacou que para viver uma vida cheia do Espírito, é necessário antes se concentrar na salvação através do Messias e isso requer arrependimento dos pecados para alcançar um coração limpo.

‘Abra caminho para o Espírito Santo’

“O preço que foi pago por você e o amor de Deus — sua maravilhosa graça — salvou a todos nós. Ao reconhecermos essa verdade, seremos então guiados pelo Espírito Santo, que produzirá o fruto desejado por Deus para sua vida”, detalhou o rabino.

“Por isso, apoie seu coração e suas emoções, e tudo o que há em sua vida, na salvação, na cruz e no amor de Deus. Faça isso e você abrirá caminho para o Espírito Santo”, continuou.

“Até que isso aconteça, é impossível viver uma vida cheia do Espírito. O primeiro deve vir antes do segundo. Não há justiça sem o Espírito de Deus. Não há amor verdadeiro sem o Espírito de Deus”, apontou.

‘Você está caminhando para o melhor’

“Você não pode forçar os frutos. Você não pode criar frutos. E você não pode fabricar frutos. A chuva dá os frutos. O Espírito lhe dá os frutos de Deus”, reforçou o rabino.

“Não importa qual seja a sua denominação, se você é de igreja pentecostal ou batista. Não importa. Todos nós precisamos do Espírito Santo, pois somente Ele pode nos conduzir à vontade de Deus”, disse.

“Se você for cheio do Espírito, se você se mover pelo Espírito, você fará tudo o que precisa ser feito. Você cumprirá o chamado que Deus tem para você e se tornará aquilo que Deus o chamou para ser”, refletiu.

“A Festa dos Tabernáculos vem depois do Yom Kippur. Isso não é um acidente. Tem que ser assim. É Yom Kippur que traz a Festa dos Tabernáculos. Se você está crescendo no Senhor e vivendo no Espírito, você está caminhando para o melhor”, resumiu ao concluir.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *